Política

O governo federal anunciou nesta segunda-feira (13) a suspensão da dívida do Rio Grande do Sul por três anos

SUSPENSÃO DA DÍVIDA | O governo federal anunciou nesta segunda-feira (13) a suspensão da dívida do Rio Grande do Sul por três anos. O valor, de aproximadamente R$ 11 bilhões, deverá ser destinado para reconstrução do estado. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, destacaram ainda que, neste período, os juros da dívida serão zerados.

O anúncio foi feito durante uma reunião virtual com o governador do estado, Eduardo Leite, e com os ministros da Fazenda, Fernando Haddad, da Casa Civil, Rui Costa, da Secom, Paulo Pimenta, e a ministra da Gestão, Esther Dweck. Acompanharam também o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, e do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco, além do ministro do STF, Edson Fachin, representando o presidente da Suprema Corte, Luís Roberto Barroso.

Deixe um comentário