Dr. Pessoa diz que desautoriza aliados a falarem sobre Eleições 2022

As declarações da secretária de Economia Solidaria, Gessy Fonseca, sobre ser candidata a governadora, em 2022, ainda repercute na base do prefeito Dr. Pessoa (MDB). Nesta sexta-feira, o prefeito deixou claro que proibiu secretários de falarem de eleição. 

“Ninguém está autorizado em falar no meu nome de apoio ou não apoio. Estão autorizados a cumprir as metas. Mas política partidária, se vamos ter a terceira via, se vamos A ou B, não está autorizado. Esse ano é ano de trabalho e mostrar para a sociedade porque fomos eleitos. Quem tentar envolver meu nome politicamente neste ano, faz errado. E eu desfaço essa intenção.  É trabalho e metas a serem cumpridas”, destaca.

Dr. Pessoa diz que ainda não definiu um candidato para apoiar. Mesmo com o MDB trabalhando indicar o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho, para vice na chapa que deve ser encabeçada por Rafael Fonteles (PT).

“Se falam no meu nome, principalmente, se falam bem, tenho que aceitar. As críticas também. Não podemos acreditar em críticas infundadas. Mas a crítica fundada, aceitamos. Este ano não falarei sobre política partidária. Meu foco é trabalhar com meu secretariado e colaboradores. Queremos resultados. Questão política, se vai ter terceira via, se vamos apoiar A ou B, só ano que vem”, declara.

Mudanças na equipe

O prefeito voltou a afirmar que até dezembro deverá finalizar as mudanças na equipe de secretários.

“No início de setembro vamos fazer uma avaliação e no final de dezembro outra. Aqueles que houver necessidade de remanejamento vamos fazer.  Mas se tiver algumas pedindo para sair não tem problema. Isso pode acontecer”, diz Dr Pessoa.

Secretaria de Governo 

Dr. Pessoa afirma que dependendo do desempenho, o advogado André Lopes, poderá seguir na Secretaria de Governo. Ele foi nomeado de forma interina.

“Por enquanto ele fica interino.  Mas pode ficar definitivo, vai depender do desempenho dele. Estamos focados no desempenho”, afirma.

CPI dos Transportes 

Com relação a CPI dos Transportes, Dr. Pessoa disse que a prefeitura não desistiu da proposta de municipalização do sistema de transporte.

“O Poder Legislativo é independente. Quando tiver o relatório vamos avaliar. Por enquanto não podemos emitir opinião. Trabalhamos com essa possibilidade de municipalização. Tentamos conversar com os empresários de várias formas. Buscamos uma conversa republicana.  Os empresários pensam que estão acima dos apóstolos de Jesus.  Não vamos aceitar desse jeito. Vamos acabar com o impasse”, ressalta o prefeito.

Flash de Lídia Brito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *