Eunício Olveira anuncia como o Senado vai trabalhar até a eleição

i (2)

(Brasília-DF, 08/08/2018) A cada quatro anos é assim que se dá. Os deputados e senadores deixam de lado os trabalhos em Brasilia e se voltam para os estados, à cata de votos para se eleger ou para eleger os seus.  O senador Eunício Oliveira(MDB-CE), que é candidato à reeleição, já deu o tom como vão ser as coisas no Senado.

Ontem, 7, ele anunciou um calendário especial de votações para os meses de agosto e setembro. Serão duas semanas em agosto e uma em setembro, para que o Congresso Nacional continue funcionando no período eleitoral.

“Vamos fazer esforços concentrados para não parar o Congresso. Até quinta-feira (9), estaremos discutindo matérias aqui. Depois, haverá outra semana de esforço concentrado nos dias 28, 29 e 30 de agosto e mais uma entre os dias 13 e 16 de setembro. Vou conversar com o Rodrigo Maia [presidente da Câmara dos Deputados] para que a gente faça uma integração dessas votações “, disse.

Eunício  informou que, após o dia 7 de outubro, a rotina das duas Casas Legislativas deve ser normalizada, já que não haverá mais congressistas disputando as eleições.

“ Tocaremos a vida normal depois das eleições. Enquanto eu for presidente, vou votar o maior número de matérias possível até o recesso parlamentar, previsto para ter início em 17 de dezembro “, disse.

O Presidente do Senado esclareceu ainda que o PLC 78/2018, que trata da venda da cessão onerosa do pré-sal pela Petrobras, e o  PLC 77/2018, que propõe a privatização das distribuidoras da Eletrobras, ainda serão submetidos à Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) antes de serem encaminhados para votação no Plenário.

“Essas matérias chegaram aqui no final do semestre. É natural que uma matéria dessa magnitude, com uma discussão ampla como essa, a gente tenha que debater e, por dever de ofício, despachei para a Comissão de Assuntos Econômicos para que ela aprove ou reprove e encaminhe ao Plenário. Essas matérias precisam estar preparadas para virem à pauta”,  explicou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *