Às vésperas do MDB confirmar Meirelles, diretórios do Nordeste contrários perderam força; entre os caciques do MDB, só Renan Calheiros continua ferrenho contra candidatura própria

(Brasília-DF, 01/08/2018) O Movimento Democrático Brasileiro(MDB) fará convenção partidária nessa quinta-feira, 2 de agosto, e deverá confirmar o nome do ex-ministro Henrique Meirelles à Presidência da República. A grande maioria dos 472 convencionais do MDB, várias deles terão mais de um voto, deverá apoiar uma candidatura própria à Presidência depois de 24 anos.  O antigo PMDB teve candidato em 1989, com Ulysses Guimarães, e em 1994, com Orestees Quércia.  Os diretórios do Nordeste que se mostraram contrários a candidura própria perderam força no propósito de barrar a candidatura própria.

O senador Eunício Oliveira(MDB-CE), que não esconde sua simpatia ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e dizia que não era a favor de candidatura própria – informou à Política Real que o “Ceará votará pela candidatura própria”.

No momento, só o senador Renan Calheiros(MDB-AL), que comada o diretório do MDB em Alagoas, – enrre os caiques do partido – se mostra veemetemente contrário a candidatura de Henrique Meirelles.   Os diretórios do Nordeste, junto com os de Minas Gerais, Pará, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul sempre foram decisivos para as escolhas no PMDB e agora no MDB.

Na segunda-feira, 30 de julho, Calheiros gravou um vídeo que foi publicado em sua conta do twitter se colocando contra a candidatura.  “A candidatura do Meirelles será muito ruim para o partido. Acredito no bom senso dos colegas do MDB para que digamos não a uma candidatura própria que rebaixa nossa legenda.”, diz Calheiros  na chamada do vídeo.

O ex-ministro Henrique Meirelles não comentou o vídeo nesta véspera de convenção. Ele preferiu gravar um vídeo, divulgado nas redes sociais, falando de sua proposta para educação

“Garantir uma educação básica de qualidade é a melhor política para construir um país com igualdade de oportunidades para todos. Conheça algumas diretrizes da nossa proposta para a educação!”, diz Meirelles, na chamada para o vídeo de divulgação.

Ainda não está certo qual será o vice presidente na chapa de Meirelles. O senador Romero Jucá(MDB-RR), presidente do partido, disse que o MDB não tem medo de sair sozinho na disputa.

Jucá divulgou em suas contas de twitter, hoje, as visitas aos eventos dos núcleos do MDB ,que se reuniram na véspera da convenção nessa quarta-feira, 31.  O evento amanhã vai contar com a presença do presidente da República, Michel Temer.  A convenção será pela manhã.

Programação da Convenção do MDB – 02/08

8h – O presidente Romero Jucá abre a convenção e inicia a votação dos convencionais.

A primeira hora será com as falas dos presidentes dos núcleos do MDB.

Após, falarão emedebistas inscritos.

Por volta de 10h – Chegada de Henrique Meirelles e do presidente Michel Temer.

Por volta de 11h30 – Encerra-se a votação e inicia a apuração dos votos.

Encerrada a apuração, o presidente Romero Jucá anuncia o resultado. Em seguida, discursam Jucá, Temer e Meirelles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *