CBF se “enrola” e nomes da lista de espera da Seleção podem vir à tona

A ideia de manter os 12 nomes da “lista de espera” da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo pode ir por terra. A revelação de que Dudu, do Palmeiras, não pôde enfrentar o América-MG, pela Copa do Brasil, pode ser o prenúncio de que uma série de outros jogadores passarão pelo mesmo problema.

A grande questão é que a CBF, até o momento, ainda não conseguiu na Fifa a liberação de atletas para que atletas que atuam no Brasil e estão na tal lista possam entrar em campo em torneios organizados pela entidade. E com rodada cheia do Campeonato Brasileiro neste fim de semana, o tempo pode ser curto para obter a licença a tempo.

A Fifa determinou que a data limite para que este grupo de 35 atletas (os 23 confirmados por Tite e os outros 12) atuassem era até o dia 20. Existe uma exceção a esta regra: a final da Liga dos Campeões. A Conmebol, por sua vez, conseguiu que a entidade máxima do futebol liberasse deste até o dia 24, quando se encerram os jogos da fase de grupos da Libertadores e também da primeira etapa da Sul-Americana.

Por isso Dedé, nome revelado por Tite durante a divulgação da lista, entrou em campo pelo Cruzeiro na última terça-feira contra o Racing, no Mineirão. Já o goleiro Neto, que atua no Valencia, ou outros jogadores que estejam na relação e joguem em clubes do Velho Continente, não “correm” esse risco.

A ideia inicial da CBF era que até o dia 4 de junho, data que a pré-lista perde “validade”, esse grupo de 12 jogadores fosse mantido em sigilo. Como não conseguiu a liberação para este meio de semana, com rodada da Copa do Brasil, precisou comunicar ao Palmeiras sobre Dudu, que não encarou o América-MG. E se não tiver êxito no mérito junto à Fifa, novos nomes acabarão sendo revelados.

A entidade já informou que não vai se manifestar, neste momento, sobre o caso e espera que tenha uma solução positiva antes da próxima rodada do Campeonato Brasileiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *