Ciro Gomes nega agressão a blogueiro ligado ao MBL

ciro-gomes-pdt-ao-lado-de-arthur-do-val-mbl-243460

Na única manifestação pública até agora sobre a suposta agressão ao blogueiro Arthur do Val, Ciro Gomes (PDT) negou que denha dado tapas no membro do Movimento Brasil Livre (MBL). O ex-governador, ex-ministro e pré-candidato a presidente afirmou, em entrevista na noite desta terça-feira, 10, à rádio CBN, que “simplesmente foi embora” após Do Val lhe fazer “perguntas descontextualizadas”. Ciro participou do programa ao lado dos jornalistas Roberto Nonato e Kennedy Alencar.

Divulgado no canal do Youtube Mamãe Falei, o vídeo da suposta agressão tem mais de 1,5 milhões de visualizações. Apoiadores de Ciro afirmam que as imagens foram editadas e são uma farsa.

“Eu perguntei se ele (Arthur do Val) era bolsominion e ele falou que “não, era liberal”. Depois, quando percebi, eu fui embora”, relatou Ciro à CBN. Questionado se havia dado tapa no blogueiro, o pré-candidato respondeu: “Absolutamente nada mais do que isso aconteceu”.

No vídeo, divulgado na última segunda-feira (9/4), Arthur questiona se o “plano de sequestro de Lula tá dando certo ou errado”. Após o pré-candidato negar que tivesse dito que sequestraria o ex-presidente, o blogueiro perguntou se ele teria dito que “receberia o pessoal do (juiz) Sergio Moro na bala”.

Ciro rebateu dizendo que essas declarações eram falsas. “Você (Arthur) é um bobão. Isso é fake news”, completou. Após Ciro Gomes se afastar reclamando de agressão, o membro do MBL gritou: “Você acha que eu sou a Patrícia Pillar para você bater?”. E ainda: “Está achando que você tá no Nordeste?”. No vídeo, ainda é possível ver o presidente do PDT no Rio Grande do Sul, deputado federal Pompeo de Mattos, dizer para o influenciador digital “vazar” e derramar refrigerante em Arthur do Val.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *